Internet das Coisas Industriais: saiba tudo sobre essa evolução

14 de outubro de 2021 por na categoria blog com 0 e 0
Home > blog > Internet das Coisas Industriais: saiba tudo sobre essa evolução

Cada vez mais, as indústrias estão investindo na automatização de processos, o que ajuda a aumentar a produtividade, a qualidade dos produtos, a segurança dos trabalhadores e também a lucratividade da empresa.

Nesse cenário, mais uma tecnologia que faz toda a diferença para as fábricas é a baseada na Internet das Coisas Industriais. Se você deseja saber tudo sobre essa evolução. continue com a leitura deste artigo e confira as informações presentes nos tópicos a seguir.

  • O que é a Internet das Coisas Industriais
  • Como é utilizada na automação industrial

 

O que é a Internet das Coisas Industriais

A Internet das Coisas Industriais (IioT) é um dos preceitos da Indústria 4.0, que tem como foco a automação dos processos. Assim como a Internet das Coisas, aplicada em outros segmentos do mercado, a IioT é baseada na comunicação entre máquinas presentes no setor industrial.

Nesse caso, a tendência é aplicada no maquinário, ferramentas e equipamentos conectados à internet dentro das fábricas. Além disso, a tecnologia conta com softwares que realizam análises a partir da coleta de dados ao longo dos processos produtivos.

Existem muitas vantagens em investir nessa nova tecnologia, não só pela eficiência que promove ao processo produtivo, como veremos mais adiante. A Internet das Coisas Industriais também permite uma redução de custos, mesmo que inicialmente exija um investimento nos dispositivos necessários.

Mas em pouco tempo é possível aumentar a lucratividade, seja por conta da redução de custos com mão de obra, seja devido à diminuição do desperdício na linha de produção. Afinal, as máquinas conectadas entre si sabem o que devem fazer e executam as suas tarefas com precisão.

Uma melhor gestão das manutenções é mais uma vantagem, pois com a Internet das Coisas Industriais é possível programá-la de forma adequada, evitando que parem de funcionar durante o processo, o que costuma acarretar dor de cabeça e prejuízos.

 

Como é utilizada na automação industrial

Para funcionar, a Internet das Coisas Industriais deve fazer uso de alguns recursos, entre eles máquinas inteligentes, industrial analytics e utilização de sensores na fábrica.

Para explicar melhor esse conceito, pode-se dizer que os sensores, por exemplo, permitem que as máquinas tenham a capacidade de percepção. Ou seja, elas se tornam capazes de identificar pressão, temperatura e demais aspectos do seu próprio mecanismo e até de outros equipamentos.

A partir disso, as máquinas geram dados, os quais podem ser analisados para contribuir com a eficiência do processo. E isso é feito pelo já citado industrial analytics. Essa eficiência é possível porque a análise dos dados coletados permite uma compreensão mais aprofunda do processo.

Assim, os gestores podem fazer mudanças e ajustes para tornar o trabalho mais ágil, seguro, com o mínimo de falhas, o máximo de precisão, etc. Em outras palavras, a Internet das Coisas Industriais ajuda, inclusive, com a tomada de decisão empresarial.

As máquinas inteligentes são outros itens necessários, pois além de executarem suas tarefas mecânicas, conseguem se conectar e se interligar entre si. Essa possibilidade é mais um fator de aumento da eficiência da fábrica.

 

Para saber mais sobre esse assunto, veja outro artigo, que fala sobre O papel da automação na Indústria 4.0.

 

Se você precisa melhorar sua produção, pode entrar em contato com os consultores da Veder, que é especialista em automação industrial desde 1991, e por isso oferece as melhores soluções e condições do mercado. Use um dos seguintes canais:

(11) 2341-3132

(11) 98689-8643

vendas@veder.com.br

tecnico@veder.com.br

veder.com.br

Adicionar comentário